Qual a importância do trabalho em equipe

Spread the love

Aquelas máximas de “somos seres sociáveis” não são mentira. Séculos do nosso desenvolvimento como espécie nos levaram a nos juntar para construir nossa segurança e bem estar.

Portanto, no trabalho e em qualquer atividade humana, o trabalho em equipe é fundamental. Seja para o nosso desenvolvimento pessoal, intelectual e profissional.

É notório que algumas pessoas têm dificuldades com a socialização e muitas vezes não se sentem bem confiando em outras pessoas.

Mas é preciso confiar, delegar tarefas e construir uma boa relação com todos, caso contrário, acabamos ficando estressados, assustados e sobrecarregados por demandas que não precisamos assumir.

Trabalho em equipe: a maneira ideal de criar uma cultura organizacional

As atividades que realizamos, o percurso que fazem dentro de uma organização e como são realizadas e por quem pode ser sintetizado em uma palavra: processo.

Os processos são fundamentais para o alcance de resultados pertinentes e uma produção qualitativa de maneira uniforme. Afinal, de que adianta produzir dez coisas, sendo uma perfeita, duas boas e sete razoáveis? É necessário uniformidade e celeridade, e um processo bem definido garante isso.

Essa dinâmica implica uma rotina as pessoas que vão aos poucos se articulando e criando de maneira espontânea uma cultura organizacional. Mas embora surja de maneira natural, essa cultura organizacional também pode ser moldada.

Para criá-la é preciso empenho, estudo e participação de todos os membros da organização: dos donos da empresa e o alto escalão até o porteiro, a secretária e todos os outros colaboradores.

Com um processo bem definido se vai longe, mas com uma cultura bem estruturada, a empresa caminha de maneira uniforme e dá aos funcionários tranquilidade no seu trabalho e na sua vida pessoal e relacional com os colegas de  trabalho.

No site da Endeavor você pode conferir como criar processos mais eficientes.

Trabalho em equipe x setorização

Trabalhar em equipe não significa criar um grupo no WhatsApp e pronto. É sobre confiança e divisão de tarefas.

Se você divide tarefas, é preciso que todos cumpram suas atividades dentro dos prazos determinados para que ninguém fique sobrecarregado ou as tarefas fiquem atrasadas.

Já a setorização é a divisão de tarefas por setor. Podemos dizer que seria um outro extremo: cada um cumpre sua função e pronto.

Mas a verdade é que a cultura de resultados está entre os dois: pessoas especializadas em suas funções e que as cumprem de forma diligente, com qualidade e sem deixar de lado o diálogo, a delegação de tarefas e o acesso aos seus colegas para opinar sobre os seus trabalhos e produções.

Ou seja se uma pessoa é responsável por catalogar os documentos de uma empresa, ela pode apenas fazer isso. Mas se ela vê que se os outros fizessem determinada alteração nas suas produções o resultado final poderia melhorar em qualidade ou significar ganho de tempo ou economia de recursos ela pode vir falar ou não com a equipe sobre o assunto.

Se existe a abertura e um trabalho em equipe consolidado, ela  vai poder propor sem receio de criar intrigas ou sofrer rechaço dos demais colegas. Mas se o clima organizacional não é propício, a empresa perde, já que a colaboração vai ficar afetada.

Portanto, a empresa perde a colaboração e principalmente a criatividade e o empenho dos seus colaboradores em melhorar os seus processos internos. Sem falar que os funcionários podem perder a motivação rapidamente com o ambiente de trabalho.

Trabalho em equipe consolidado: melhor dos mundos

Você já parou para pensar quais são os benefícios do trabalho em equipe para a sua empresa e principalmente, para a sua vida? Eles são muitos.

Mas existem alguns que precisam ser apresentados, por isso preparamos uma pequena lista com alguns benefícios de se ter uma cultura colaborativa no seu empreendimento.

Gestores Melhores

Com equipes pouco participativas e que não gostam de trabalhar juntos, os primeiros a ficarem sobrecarregados são os gestores. Não é simples falácia.

Afinal, os gestores precisam lidar com a sua própria equipe, lidar com outros setores e se reportam para os seus superiores. Muitas vezes se a equipe não vai bem o gestor leva a bronca.

Quando o trabalho em equipe flui, a divisão de tarefas ocorre de maneira natural, a confiança no bom desempenho da equipe segue firme e os gestores passam a ter um problema a menos.

Isso pode significar um desempenho melhor com aumento de produtividade ganhos sem podar a capacidade criativa de quem gere.

Ambiente de aprendizado e melhoria

Com um ambiente melhor, o conhecimento passa a ser aberto e horizontal. Já não são apenas os cargos que contam, mas o produto do conjunto de ideias. O que vai significar uma capacitação constante das pessoas e em especial uma busca por capacitação.

Fica instaurada uma competição positiva, onde não importa ganhar ou vencer, mas acompanhar os colegas em um desenvolvimento individual que vai gerar uma equipe em um processo constante de aperfeiçoamento e melhoria.

Motivação

Sabe aquelas pessoas que não tem motivação para ir trabalhar, que ficam com um péssimo humor e acabam criando um clima chato? Quando o trabalho em equipe é fortalecido e incentivado isso diminui a ponto de  acabar.

A interação gera uma sensação de pertencimento nas pessoas. O grupo se torna coeso, mesmo apesar de suas especificidades, e passam a atuar com uma unidade para buscar melhorias e se motivando no processo.

Isso não significa que as pessoas estarão sempre sorrindo, mas que se sentirão seguras e confortáveis. Que não terão motivos para não querer estar naquele lugar e os problemas da vida pessoal não irão ser tão difíceis. Possivelmente verão o trabalho como um lugar de conforto e bem estar, até para fugir das dificuldades da vida fora do local de trabalho

Agilidade e assertividade

O trabalho em equipe encurta caminhos, em especial nos momentos de crise. Qualquer solução que exija agilidade será tomada de maneira mais eficaz e com maior rapidez.

Pessoas habituadas ao trabalho equipe tem facilidade para se articular e chegar a um consenso utilizando os saberes, percepções e experiências de todos. O que inclusive aumenta as chances  de acerto das decisões tomadas.

Conclusão

O Trabalho em equipe é um fator imprescindível para qualquer cultura organizacional que queira alcançar o sucesso e ter resultados cada vez melhores.

A partir da confiança gerada, a segurança, a criatividade e a eficiência se manifestam nos resultados e nos processos. Esse é o melhor jeito para crescer com sucesso e de forma saudável que existe atualmente.

Não deixe de acompanhar os demais conteúdos do Blog da Elen.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *